A consistência dessa meleca é bem diferente da meleca com amido de milho que testamos aqui. Ela fica muito mais rígida, sendo possível até modelá-la um pouquinho.

A Sofie participou de todo o processo de confecção da meleca que, na verdade, é bem simples. Basta misturar farinha de milho com água. Não há uma quantidade exata, é tudo no olhômetro mesmo.

Na verdade, dosar a quantidade de água na massa foi o ponto alto da nossa brincadeira.

Despejamos a farinha de milho em um balde e acrescentamos um pouco de água. A Sofie foi ajudando, misturando tudo com as mãos. Atingimos uma consistência parecida com a de uma massinha e brincamos de modelar vários bichos.

Depois de brincar um pouquinho, a Sofie decidiu acrescentar mais água à mistura. “Acho que precisa de um pouquinho mais de água”, disse. E se pôs a virar o copo de água no balde.

Mexia mais um pouquinho e logo dizia: “Hummm, mais água”. Até que, claro, a nossa meleca ficou bem molenga e melequenta.

Aí a brincadeira virou passar a meleca nas mãos, deixando-a pingar de uma para a outra.

Adoramos quando a criança toma as rédeas da brincadeira e faz experimentações por conta própria. Com essa meleca, foi exatamente isso que aconteceu. E foi bom demais!